Main Menu
Palavra do Presidente

A contribuição sindical e sua importância na construção de um Sindicalismo forte e atuante

Artigo retirado do jornal Informativo do Papeleiro

Nesta nossa primeira edição do Informativo do Papeleiro, eu quero falar com você sobre a importância da luta sindical.

Um Sindicato não defende apenas seus filiados. O Brasil possui, hoje, 20 milhões de trabalhadores sindicalizados, responsáveis pela existência de 11,4 mil entidades sindicais de trabalhadores. Mas no exercício do seu papel representativo, estes sindicatos defendem, junto aos sindicatos patronais ou diretamente aos empregadores, os direitos e as conquistas de um contingente muito maior de pessoas. Toda a vez que um sindicato negocia com uma categoria patronal, as vantagens obtidas da negociação devem ser renovadas a cada ano. Esses sindicatos, além de realizar a negociação trabalhista, lutam por uma ampliação do seu espaço de atuação profissional, prestando ainda uma série de serviços aos seus associados.

Todos ganham com a representação sindical. O Sindicato, assim, cumpre um importante papel social. Além de negociar salários, ele estabelece acordos coletivos com os empregadores, buscando melhorar as condições de trabalho dos profissionais que representa. Ele luta pela ampliação dos benefícios ao trabalhador e acaba estendendo sua ação sobre as próprias necessidades das famílias de seus representados. Isto, quando não é o Sindicato mesmo que cria e oferece serviços indispensáveis aos profissionais, proporcionando assistência jurídica a seus associados, planos de assistência médica e odontológica, entre outros.

Importante ressaltar que a luta para manter ou ampliar tais benefícios não seriam possíveis sem investimentos.

Compare o que você recebe com o que você paga. Compare o custo com o benefício que o Sindicato proporciona a você e sua família. Se isso fosse colocado em uma balança, todos os trabalhadores do Brasil, sem o apoio e o amparo de seus sindicatos, não teriam forças para equilibrá-la. A sua voz é importante. Estamos falando de seu futuro.

Veja alguns exemplos:

Reajuste Salarial – Seu salário sofreria uma perda gradual de poder aquisitivo. E você não teria uma entidade específica negociando com o empregador. Todos os anos o sindicato é quem negocia o percentual a ser reajustado no seu salário.

Piso Salarial – Salário mínimo atualmente em São Paulo é de R$ 878,00, mas seu Sindicato garante a seus associados um piso mínimo de R$ 1.432,20 conforme categoria Papel, Papel ou Artefatos, negociado anualmente.

Refeição/Local – O Sindicato é quem obriga as empresas a manterem local e refeições a seus empregados.

Assistência Médica – Você sabia que sua empresa não é obrigada a fornecer esse benefício? Mas conforme negociação com o Sindicato, todas as empresas são obrigadas a fornecer assistência médica aos seus empregados e Dependentes.

Nos últimos anos sofremos grande pressão para que essa assistência seja fornecida somente para os empregados, deixando sua família desamparada dessa cobertura, e lutamos muito para que isso não mude.

Abono Salarial – O Sindicato é o responsável pela manutenção e reajuste do abono salarial que você recebe todo ano, vale lembrar que e o valor desse benefício e objeto de negociação anual.

Horas Extras – Pela CLT, os valores pagos como horas extras têm um acréscimo de 50%. Mas uma vez seu Sindicato está presente negociando valores percentuais superiores ao previsto em lei, notem que hoje esse valor percentual esta em 80%, ou seja, 30% a mais do que a lei prevê.

Adicional Noturno – Previsto também pela CLT, o valor atual é de 20% sobre as horas noturnas. Como descrito no item acima novamente seu Sindicato atua em favor da categoria, negociando valores percentuais maiores determinados por lei, veja porem nossa convenção coletiva esse valor e de 40%. Observe que é de 100% maior do que a lei.

Trabalhador – Dentre esses e outros benefícios abrangidos pela convenção coletiva, que é fornecida gratuitamente aos associados, é que se nota qual a importância e o papel do Sindicato na sua vida profissional.

Portanto, caso o trabalhador manifeste sua intenção de se afastar do movimento sindical, contribuirá com o enfraquecimento da categoria e consequentemente terão seus benefícios reduzidos ou retirados da convenção coletiva, tais como: Reajuste Salarial, Refeição, Assistência Médica, Abono, Hora Extra e Adicional Noturno.

Relembramos que seu Sindicato ainda presta serviços sociais de muita importância, tais como:

Assistência Odontológica a você e seus dependentes; Assistência Jurídica Trabalhista; Convênios com Faculdades, Farmácias, Óticas, Escolas e Seguradoras.

Não se esqueça que, ainda que você não utilize os serviços prestados pelo Sindicato, o Sindicato lhe oferece um papel muito importante na sua vida profissional: defesa dos seus direitos conquistados por muitos anos de luta, por meio da convenção coletiva de trabalho.

Lembre-se que a leitura da nossa Convenção Coletiva é de extrema importância. Caso tenha alguma dúvida faça-nos uma visita ou entre em contato pelo telefone.

Grande Abraço,

Pedro Luiz Molena