OS DESAFIOS DOS TRABALHADORES NO ANO DE 2016

As lembranças que ficaram do ano de 2015 não foram muito boas. Recessão na economia, os casos de corrupção que vira e mexe estampavam as capas dos jornais e os noticiários televisivos, inflação elevada, desemprego; sem contar a disputa política entre o Governo e o Congresso, atrapalharam e muito o bom andamento do país.

Para superarmos todas essas dificuldades foi necessária muita perseverança, união e determinação dos trabalhadores e trabalhadoras que se mantiveram unidos com o Sindicato para alcançarmos os nossos objetivos.

Lamentavelmente, o ano de 2016 ainda continua com um quadro de incertezas, principalmente no que diz respeito as questões da conjuntura política. Pedido de impeachment da presidente e de cassação do presidente da Câmara, Eduardo Cunha, além das denúncias contra o presidente do Senado, causam uma instabilidade política muito grande, que tem um inevitável reflexo na economia do nosso país.

No meio disso tudo, está a classe trabalhadora que não tem culpa dessas disputas em Brasília, e ainda sofre com a taxa de desemprego que atingiu 7%, além dos reajustes propostos pelo Governo e pelo Congresso que não surtiram nenhum efeito positivo para a economia.

Portanto, companheiros e companheiras, assim como no ano passado, o nosso desafio é, independente da conjuntura política e econômica do Brasil, nos mantermos unidos e organizados para defendermos nossos empregos, salários e direitos da Convenção Coletiva, conquistados com muito suor e luta.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.